Como criar um sistema de delivery [guia completo]

Fazer entregas de maneira independente é mais barato do que você imagina e tem diversas outras vantagens. Aprenda como começar neste ramo e ter seu próprio app de delivery

Se você está pensando em abrir um estabelecimento ou se já possui um restaurante, bar ou lanchonete e quer lucrar vendendo na internet, uma das primeiras coisas que precisa ter em mente é entregar valor aos consumidores. 

Em outras palavras, você tem que trabalhar para atender às necessidades deles, indo além da venda da mercadoria em si.

Uma das formas de fazer isso, seja no ramo de alimentos ou em qualquer outro, é por meio de um sistema de delivery próprio. Com ele, você se destaca da concorrência ao oferecer um serviço diferenciado e muito mais atrativo. 

Por isso, vamos ensinar como criar um app de delivery tipo iFood para você oferecer maior conveniência aos seus clientes e ainda conseguir fugir das taxas cobradas por plataformas como essa.

O que é um app de delivery?

Um app de delivery é uma plataforma digital na qual os clientes fazem pedidos tanto para entrega quanto para retirada no balcão

Eles consultam o cardápio e selecionam os itens que desejam. Em seguida, informam os dados para contato e entrega, se for o caso, e escolhem um meio de pagamento. 

Depois disso, o estabelecimento recebe uma notificação com todas as informações referentes ao pedido e inicia o preparo. 

Uma solução para quem deseja um app de entregas próprio é o Kyte. Com ele, você pode acompanhar todas as etapas do processo, desde a confirmação do recebimento do pedido até a saída para entrega.

Crie o seu sistema de delivery

Com o Kyte, você cria um sistema de delivery completo, com cardápio online, gestão de pedidos, PDV e muito mais, em poucos minutos.

Baixe grátisBaixe grátis

Quais setores podem usar aplicativo de delivery?

Você não precisa necessariamente estar no ramo de restaurantes ou bares para utilizar e criar um app de delivery. Na verdade, qualquer setor que trabalhe com entregas pode desfrutar dos benefícios desse sistema, como:

  • mercados;
  • farmácias;
  • padarias;
  • docerias;
  • lojas de produtos para pets;
  • papelarias;
  • lojas de produtos automotivos;
  • produtos naturais, entre outros.

Por que ter um aplicativo próprio para delivery?

Ter um aplicativo de delivery para realizar as entregas dos seus produtos oferece mais conveniência aos consumidores, além de um serviço mais personalizado e completo

Com ele, você aumenta as chances de fidelizar os seus clientes, já que uma excelente experiência de compra é fundamental para que eles voltem a fazer negócios com você. 

Ao optar por ter independência na entrega das suas mercadorias, você não apenas fica livre para administrar o processo como um todo – desde a fabricação do produto até a chegada dele no endereço do cliente –, como também consegue escapar das altas taxas cobradas por plataformas como iFood, UberEats e Rappi.

Desta forma, o lucro das entregas vai inteiramente para a sua empresa e você consegue ter muito mais segurança quanto ao serviço prestado, já que não dependerá de nenhum intermediário para finalizar o trabalho. 

criar aplicativo para entregas e delivery

E caso aconteça algum problema no meio do caminho, você tem total autonomia para fornecer o suporte necessário ao cliente e tranquilizá-lo, pois haverá uma linha direta de contato com ele. 

Também é possível enviar informações sobre o pedido ou uma cópia do recibo online

Tudo isso contribui para uma relação de confiança entre comerciante e cliente, que sentirá que tem um tratamento realmente diferenciado na sua loja:

  • comodidade para fazer pedidos pelo celular;
  • segurança para realizar o pagamento pela internet;
  • transparência para acompanhar a rota de entrega do produto.

Como criar e fazer a gestão do seu aplicativo de delivery?

Criar um aplicativo de entrega é uma solução atraente em razão do baixo custo para quem está começando um negócio. 

Também contribui para uma redução dos custos de estrutura de quem já possui um estabelecimento. Veja algumas dicas de como criar o seu próprio sistema de entregas.

📱 Baixe o Kyte agora e tenha mais controle sobre pedidos recebidos e entregas feitas.🏍️

1. Faça uma pesquisa de mercado

Não precisa se preocupar em contratar uma empresa de consultoria ou algo do tipo. 

Na realidade, é muito simples fazer uma pesquisa de mercado hoje em dia. Basta entrar no Google ou nas redes sociais, como Whatsapp, Facebook e Instagram, e observar o cenário. 

Identifique o seu público-alvo, os seus concorrentes e veja as opções de produtos e serviços de entrega que eles oferecem. A partir disso, você consegue pensar em como oferecer algo diferenciado e exclusivo aos consumidores. 

2. Monte seu cardápio

Após definir qual grupo será o principal foco das suas estratégias de venda, é hora de selecionar os itens que estarão no cardápio. 

Comece listando os pratos principais do seu estabelecimento e, depois, vá testando para verificar o que faz (ou não) sucesso com a clientela. 

Uma ferramenta útil nesta etapa é o universo das redes sociais. Por lá, você consegue interagir com os clientes e descobrir, por meio de enquetes, do que eles gostam mais, do que gostam menos, o que mudariam, etc.

Vale ressaltar que nem tudo que você oferece na sua loja física precisa necessariamente estar disponível para delivery. 

Por isso, ao montar o seu cardápio, avalie se é possível entregar determinado produto ou se isso demandaria a contratação de mais funcionários, por exemplo. E aproveitando que o assunto é cardápio, considere deixar o seu negócio mais moderno e atrativo ao disponibilizar um cardápio digital na sua loja física.

Você pode deixá-lo com a cara do seu negócio, receber pedidos diretamente por ele e integrá-lo às redes sociais para vender no Facebook e Instagram, unificando suas vendas online e físicas.

aprenda a criar aplicativo para entregas e delivery

3. Organize sua estrutura para entregas

Pense na estrutura física que será utilizada para preparar os seus pratos e na organização dos processos de produção. Antes de se preocupar em como criar um app de delivery, você precisa ter certeza de que possui uma cozinha equipada e preparada para as operações. 

Verifique se há espaço suficiente para montar os pratos, se a geladeira tem capacidade para armazenar tudo que será necessário e na temperatura adequada, e se o forno tem o tamanho que você precisa para preparar os pedidos dentro do prazo que você imagina.

Se já possui um estabelecimento, o ideal é separar as operações presenciais e delivery. Assim, será possível oferecer um atendimento de qualidade superior tanto para quem aguarda nas mesas quanto para quem espera em casa.

Nesta etapa, também é importante esquematizar todo o processo, desde a confirmação do pedido até a entrega de fato.

Pense em como as coisas vão funcionar em cada fase. Desta forma, você evita surpresas indesejadas e experiências negativas por parte dos clientes.

4. Pense na embalagem

Parece bobagem, mas a embalagem conta muito para os consumidores. Imagine fazer um pedido e o prato chegar vazando ou em um recipiente danificado pela própria comida. Nada legal, não é mesmo?

Por ser o primeiro contato físico que o cliente tem com a sua loja, a embalagem precisa estar impecável. Deve ter um visual limpo e bonito, como um verdadeiro presente, e cumprir sua principal função – manter o alimento na temperatura e textura ideais. 

Afinal, a clientela espera receber algo minimamente parecido com o que é mostrado no cardápio.

5. Estruture a entrega no app de delivery

Veja as opções disponíveis para quem trabalha com o próprio delivery:

  • motoboy próprio: você mesmo faz as entregas ou contrata uma pessoa fixa para realizá-las;
  • motoboy freelancer: pessoa é contratada por entrega ou dia de serviço prestado;
  • motoboy terceirizado: pessoa é contratada a partir de uma empresa especializada em entregas;
  • motoboy de aplicativos: pessoa presta serviço para plataformas como iFood, UberEats e Rappi.

Pesquise, analise e verifique qual faz mais sentido para o seu tipo de negócio e para o seu momento financeiro.

Faça um estudo para saber o quanto você pode gastar neste departamento e com qual tipo de entregador você conseguirá prestar um ótimo serviço.

6. Prepare a divulgação

Sabe aquela frase “a propaganda é a alma do negócio”? Saiba que no universo digital ela é um dos pilares do sucesso.

Não adianta ter um produto ótimo, prestar um serviço de qualidade e ninguém ficar sabendo. Faça o seu estabelecimento ser conhecido. Para isso, vale criar perfis nas redes sociais para divulgar o seu trabalho, além das novidades e promoções. 

Invista em uma estratégia de conteúdo que conte com fotos em alta resolução para apresentar os pratos, e em recursos como os Stories para mostrar um pouco dos bastidores da produção. Clientes gostam de ver a magia acontecer.

app de entregas e delivery

7. Escolha as plataformas de pedidos e delivery

Agora, você precisa decidir o que vai utilizar: se vai aderir aos serviços de aplicativos tipo iFood ou se vai criar o próprio sistema de entrega. Mas como escolher a melhor plataforma ou app para delivery? 

Conforme dissemos anteriormente, você precisa estudar seu próprio negócio e cada opção separadamente para decidir qual caminho tomar. 

Plataformas como UberEats e iFood são uma excelente forma de atrair clientes em razão da visibilidade que oferecem. No entanto, é necessário avaliar se o seu estabelecimento tem a estrutura necessária para receber um volume grande de pedidos, além de considerar as altas taxas de comissão que elas cobram.

Um app próprio de entregas pode ser uma ótima solução, já que você consegue montá-lo de acordo com as suas próprias capacidades e necessidades.

Porém, desenvolver uma ferramenta dessas muitas vezes exige a contratação de uma empresa especializada, o que pode sair caro e/ou levar muito tempo para colocar o sistema em funcionamento.

Uma outra opção é utilizar apps que forneçam esse tipo de serviço, como o Kyte. Com ele, você cria um sistema de entregas completo, com site, cardápio digital e gerador de recibos, em poucos minutos. 

O aplicativo de delivery pelo celular Kyte não cobra comissões pelos pedidos e permite integrar o cardápio com Facebook e Instagram

Assim, seus clientes podem comprar com você diretamente pelas redes sociais e o seu estabelecimento ainda se beneficia da visibilidade oferecida nesses ambientes.

Conclusão

Ter um app de delivery traz muitas vantagens para o seu negócio e aproxima ainda mais o seu cliente de você. 

Com ele, seu estabelecimento tem a possibilidade de oferecer um serviço muito mais personalizado aos consumidores de ponta a ponta.

Para aproveitar os recursos de todos os lados, o ideal é estar presente nos aplicativos de entrega para divulgar o seu nome e adquirir novos clientes.

Feito isso, você aproveita determinadas oportunidades para informá-los sobre o seu próprio sistema, destacando as vantagens do serviço diferenciado. Assim, você garante crescimento sustentável do seu negócio e aumenta as chances de fidelizar os clientes.

E se você chegou até aqui, confira como é fácil criar a sua loja exclusiva no Kyte!

Crie o seu sistema de delivery

Quero baixar o appQuero baixar o app
Para pequenos negócios e vendedores.
APRENDA MAIS

Conteúdos em destaque