5 livros sobre o poder do empreendedorismo feminino

Descubra como vencer no mundo empresarial e se tornar uma mulher bem-sucedida

Que as estruturas de gênero no mercado de trabalho têm se modificado com o passar dos anos, nós já sabemos. Antigamente, as mulheres não podiam trabalhar. Demorou bastante até isso mudar e elas conseguirem direitos trabalhistas. Muito já foi conquistado, mas ainda há muito para conquistar.

A edição da pesquisa Monitoramento de Empreendedorismo Global (GEM, em inglês) feita com dados de 2018 mostra que mulheres empreendedoras estudam 16% a mais do que os homens e, mesmo assim, recebem menos. Prova disso recai sobre o fato de que o rendimento mensal das empresárias é 22% menor que dos empresários. 

Ainda hoje é conferido às mulheres total responsabilidade sobre os afazeres domésticos e aqueles relacionados à família. Essa dupla jornada desfavorece o crescimento do público feminino no mundo empresarial.

Apesar do cenário desfavorável, segundo a Organização Internacional do Trabalho (OIT), negócios liderados por mulheres possuem melhor desempenho.

Pensando em mudar essa realidade ainda desigual, apresentamos abaixo 5 livros escritos por autoras de sucesso para você se inspirar e aprender como traçar essa jornada.

Boa leitura!

Vendas, Estoque e Loja Virtual

O Kyte oferece um Ponto de Vendas no celular e uma loja virtual para vender no Instagram, Facebook e WhatsApp!

Baixe grátisBaixe grátis

1. Mulheres Líderes e Empreendedoras – Silvina Ana Ramal

Silvina Ana Ramal é mestre em administração de empresas pela PUC-Rio e sócia-fundadora da empresa ID Projetos Educacionais. A autora já teve grandes empresas brasileiras como clientes, tais como Petrobras, Vale do Rio Doce, Embratel, Fundação Roberto Marinho, entre outras.

A partir de suas experiências no universo empresarial, ela escreveu, em 2019, o livro Mulheres Líderes e Empreendedoras, a fim de ensinar quais os compromissos que toda executiva ou empreendedora deve assumir para alcançar o sucesso.

Para ilustrar os comportamentos comuns da sociedade que desfavorecem a inserção feminina nesse ambiente, a autora relata histórias reais vividas por mulheres no mercado de trabalho, com a proposta de guiar esse grupo com relação às atitudes que podem ser prejudiciais em sua ascensão.

O objetivo da autora é empoderar as mulheres para que elas confiem, sem culpa, no próprio talento, entendam que seu valor precisa ser reconhecido e, assim, ganhem segurança para vencer obstáculos e obter sucesso em suas carreiras. 

2. Faça Acontecer – Sheryl Sandberg

Buscando levantar discussões sobre a dificuldade que as mulheres encontram para conquistar posições de destaque no mercado de trabalho, Sheryl Sandberg apresenta em Faça Acontecer os desafios que encontrou até chegar à posição de diretora de operações do Facebook.

Formada em economia pela Universidade de Harvard, Sandberg possui um vasto histórico de realizações. Antes do Facebook, ela trabalhou como vice-presidente de vendas e operações do Google e chefe de operações do Departamento do Tesouro dos Estados Unidos.

Em Faça Acontecer, a autora afirma que as mulheres que optam por ingressar no mercado de trabalho, dedicando menos tempo ao ambiente familiar, costumam lidar com falta de autoconfiança e sensação de incapacidade e de inferioridade em relação aos homens.

Ela propõe reflexões sobre a dupla jornada dessas mulheres, com o intuito de facilitar a trajetória delas na busca por ascensão, assegurando a importância de aceitarem os riscos, se desafiarem e assumirem que são capazes de alavancar suas carreiras.

3. Mulheres Poderosas Têm Ambição – Heather McGregor

Com o objetivo de guiar mulheres em busca da realização pessoal, Heather McGregor escreveu o livro Mulheres Poderosas Têm Ambição, no qual dá dicas para alcançar uma vida próspera e vitoriosa.  

Ela é diretora executiva da Escola de Negócios da Universidade de Edimburgo e criadora da Fundação Taylor Bennett, uma instituição que busca promover a diversidade no setor de comunicação. Em 2017, foi nomeada membro do Comitê de Honra da Economia no Reino Unido.

Na obra Mulheres Poderosas Têm Ambição, a autora ressalta a importância de uma reflexão, por parte das mulheres, sobre o desejo de ocupar um cargo alto em uma empresa. Se esse for o seu desejo, você precisa tomar certas atitudes, e este livro mostra os passos que devem ser seguidos.

McGregor defende que as mulheres que desejam crescer profissionalmente devem buscar qualificações para comprovar suas habilidades, estar conectadas com pessoas relevantes e estabelecer prioridades. Ao adotar essas medidas, torna-se possível vencer as barreiras de gênero impostas pelo mercado de trabalho.

4. Leapfrog – Nathalie Molina Niño

As mulheres são minoria em cargos de poder no mundo empresarial. Menor ainda é o número de mulheres negras nessas posições. O livro Leapfrog ensina como encontrar financiamento e aproveitar a vida a partir do que o seu empreendimento te proporciona.

Niño é fundadora e CEO da Brava Investments e cofundadora do grupo Entrepreneurs@Athena. Por desejar uma mudança no cenário atual, ela investe em negócios que geram retorno financeiro para as mulheres.

Neste livro, a autora dá dicas para quem deseja se tornar uma empreendedora de sucesso. Você aprenderá a ter visão, ambição, espírito empreendedor, habilidade de comunicação e muito mais para começar seu negócio da melhor maneira possível.

5. Vai um Cafezinho? – Luciana Medeiros

Vai um Cafezinho?, escrito por Luciana Medeiros, conta a trajetória de Maria Luisa Rodenbeck, empresária responsável por trazer a famosa rede de cafeterias Starbucks para o Brasil.

A autora, uma jornalista que trabalhou para importantes veículos de comunicação, como O Globo, TV Manchete, Rádio JB e Rádio MEC, reúne nesta obra informações importantes sobre a vida de Rodenbeck e sua trajetória até se tornar uma empresária de sucesso.

Medeiros mostra como Rodenbeck foi de secretária do presidente do McDonald's a gerente de escritório em seu primeiro emprego. O segredo? Nunca parou de se desafiar. Ela já havia tentado trazer a franquia para o Brasil na década de 1990, mas foi recusada 9 vezes. Somente em 2006 que ela alcançou o objetivo e a Starbucks chegou aqui.

No livro, a autora destaca os grandes feitos que uma mulher pode alcançar. O empenho de Rodenbeck foi tão marcante que, um ano após a morte dela, a Starbucks criou um prêmio para homenageá-la, o "Spirit of Starbucks".

Vença seus medos

A trajetória de uma mulher que decide se tornar empreendedora não é fácil, mas com certeza é compensadora. Inspire-se em figuras como Luiza Helena Trajano, dona do Magazine Luiza, Paola Carosella, empreendedora e chef de cozinha, Leila Velez e Zica Assis, fundadoras do Instituto Beleza Natural, e inicie sua jornada empreendedora. Torne-se a escritora de sua própria história.

Este post foi produzido pela equipe do PocketBook4You, uma plataforma que oferece centenas de resumos de livros dos maiores autores e best-sellers da atualidade, e tem como principal missão levar conhecimento diversificado que se encaixa no dia a dia de cada um dos seus usuários, ao redor do Brasil e do mundo.

Tags relacionadas:

Vendas, Estoque e Loja Virtual

Quero baixar o appQuero baixar o app
Para pequenos negócios e vendedores.
APRENDA MAIS

Conteúdos em destaque